Arte que Inspira

Pedro Penteado Valente

ruy fraga

Pedro Penteado Valente

A abstração intangível e a sedução das formas latentes

Pedro Penteado Valente nasceu em São Paulo em 1988 e fez estudos universitários no Centro Universitário Belas Artes da Vila Mariana em São Paulo. Pintor como base, trabalhou como assistente de diferentes artistas plásticos e também no mundo da cenografia como assistente do diretor de arte Flávio Sadalla.

Destacam-se as exposições no Museu Belas Artes de São Paulo, na Feira Independente de Arte Latinoamericana ( FilaAC) e nas duas edições da Festa Verdi em São Paulo.

Como artista, a pintura de Pedro Penteado Valente é um dos melhores exemplos para entender e avaliar uma nova geração de jovens pintores brasileiros. O trabalho de Pedro começou no mundo da colagem em diferentes formatos, sempre pesquisando diferentes tipos de materiais. Na sua última série intitulada Infinda, o pintor demonstra o seu domínio com diferentes materiais de reuso como a madeira, a cortiça ou a lona e a mescla com uma variada gama de cores e de matizes, expressando assim uma particular abstração intangível.

Em relação à obra sobre papel, Penteado tem um desenho espontâneo mas também com uma ideia elaborada. As suas formas sobre papel destacam-se por serem figurativas. O que representam essas formas provocam ao espectador uma sedução latente da nossa realidade.